terça-feira, 1 de abril de 2008

Glândula Pineal e Mediunidade

Palestra proferida pelo Médico Sérgio Felipe de Oliveira no Congresso Médico-Espírita (MEDNESP) com o tema Glândula Pineal e Mediunidade.


Sérgio Felipe de Oliveira é psiquiatra , mestre em Ciências pela USP (Universidade de São Paulo) e destacado pesquisador na área da Psicobiofísica. A sua pesquisa reúne conceitos de Psicologia, de Física e de Biologia. Desenvolve estudos sobre a glândula pineal, estabelecendo relações com atividades psíquicas. Realiza um trabalho junto à AMESP e possui a clínica Pineal Mind, onde faz seus atendimentos e aplica suas pesquisas. Segundo o mesmo, a pineal forma os cristais de apatita que, em indivíduos adultos, facilita a captura do campo magnético que chega e repele outros cristais. Esses cristais são apontados através de exames de tomografia em pacientes com facilidade no fenômeno da incorporação. Já em outros pacientes, em que os exames não apontam tais cristais, foi observado que o desdobramento fora facilmente apontado.



Glândula Pineal I



Glândula Pineal II



Glândula Pineal III

13 comentários:

gabriella disse...

Acho este tipo de trabalho maravilhoso, muitos não dão a necessária atenção a esse assunto.
Gostaria de saber se alguem pode me passar o e-mail do SR. SERGIO FELIPE DE OLIVEIRA.

waldemar disse...

Pergunta do Interlocutor: Estou diante de uma dúvida a respeito da chamada glândula Pineal, anunciada nos meios Espíritas como sendo a glândula da mediunidade. Onde encontrar esta glândula nas obras básicas da codificação Kardeciana?

Resposta N. 1
Na verdade caro interlocutor, glândula Pineal/Hipófise nós não vamos encontrá-la em livro nenhum da codificação espírita por Allan Kardec.
Teoria improcedente e ante científica a não ser entre os pseudos espíritas credores das teorias apócrifas, mas poderão facilmente serem desmistificados com um estudo muito sério na obra, o livro dos médiuns, nela só se engana quem não estuda com perseverança e seriedade está obra.
Esta teoria muita antiga entre os esotéricos hinduistas, não faz parte dos ensinos do Espírito de Verdade. Caso fosse verdade Allan Kardec com os Espíritos superiores, já o teriam dito. Somente os Espíritos de teorias pessoais ainda presos aos seus preconceitos humanos, isolados da oficialização dos ensinos do Espírito de Verdade, continuam livremente manifestando essas teorias lançando nos meios espíritas e não Espíritas a confusão doutrinária com a tal glândula, e muita gente "boa" está navegando nesta via?
Segundo o dicionário da lingua portuguesa, Glândula Pineal ou Glândula Hipófise: Glândula de secreção interna de funções orgânicas multiplas, situada na base do cérebro. Glândula pituitária - membrana que reveste interiormente as fossas nasais.

Próxima Resposta de N.3 - Aguardem

Sôninha disse...

Boa tarde Sr.Waldemar, li seu comentário e fiquei muito satisfeita com a sua resposta. Aguardo as respostas de nº 03.

Anônimo disse...

Agradeco ao senhor Waldemar por ter exlarecido de uma forma eficiente esta questao da glandula Pineal...Eu tambem tive muitas duvidas ao assistir a palestra do Dr.Sergio,neste blog, nao pessoalmente... pelo qual admiro a dedicacao e o tempo pelo qual ele se propos a estudar esta questao... mas que, nao entendi de onde as suas conclusoes formam baseadas...Gostaria muito de receber mais informacoes sobre este tema, Sr. Waldemar gostaria muito de receber mais exlarecimentos sobre este topico tao polemico, desde ja agradeco
Livia Staschiak

Ricardo Cézar disse...

Prezados senhores, antes de começarmos a criticar devemos buscar conhecer mais a fundo o assunto tratado. Em primeiro lugar, glândula pineal não é o mesmo que hipófise. Seu outro nome é epífise. Em segundo lugar, pode-se sim encontrar referência a ela em obras mediúnicas renomadas. O segundo capítulo do livro "Missionários da Luz", ditada pelo espírito André Luiz, através da psicografia do médium Francisco Cândido Xavier, dedica-se exclusivamente a esse assunto, no qual é descrito o caráter espíritual e mental da glândula. Para a Doutrina Espírita, a epifise é órgão de elevada expressão no corpo etéreo. Preside os fenômenos nervosos da emotividade, devido a sua ascendência sobre todo o sistema endocríno, e desempenha papel fundamental no campo sexual. Na mesma obra, André Luiz descreve ainda que a epífise está ligada à mente espiritual através de princípios eletromagnéticos do campo vital, que a ciência formal ainda não pode identificar, comandando as forças subconscientes sob a determinação direta da vontade.

Aprecio muito os trabalhos deste blog mas não poderia deixar de dar minha contribuição, que acredito ser de grande valia a todos.

Agradeço a atenção!

waldemar disse...

Continuação da questão N.1.
Sobre a Glândula Pineal/Hipófise:

Perispírito o Organismo Semi-Material de Comunicação Mediúnica.

O Perispírito é o envoltório de cobertura do Espírito. Por está substância que é vaporosa para nós, mas ainda bastante grosseira para os Espíritos desencarnados; suficientemente vaporosa, entretanto, para eles elevar-se na atmosfera e transportar-se aonde queira. ( Livro dos Espíritos questão 93)

Segundo Lammenais Espírito, em o livro dos médiuns capítulo IV - Primeira Parte - Parágrafo 51 -Respondeu a Allan Kardec em respeito ao assunto a seguinte observação:
O perispírito para os Espíritos errantes (habitantes da erraticidade), é o instrumento pelo qual eles se comunicam com os Espíritos encarnados:

a) seja indiretamente, por meio do nosso corpo;
b) ou através do nosso perispírito;
c) ou seja diretamente com a nossa alma.
Vem daí a infinita variedade de médiuns e de comunicações que faço saber de algumas:

a- POR MEIO DO NOSSO CORPO: Comunicação dos Espíritos sobre a matéria (orgânica ou inerte) e etc. Classificação da diferente natureza de médiuns e manifestações de efeitos fisicos que impressionam os orgãos físicos, os sentidos visuais, auditivos, o tato (os paupáveis), sons, ruidos etc.

c- POR MEIO DO PERISPÍRITO: Comunicação quanto a mediunidade de efeitos intelectuais:
A psicofônia, a psicografia mecânica, desenhos e pinturas, a clarividência, a dupla vista, a audição psíquica, o sonambulismo etc.

d- POR MEIO DA NOSSA ALMA: Quando se trata da comunicação pelo pensamento, a intuição, a inspiração, o pressentimento, a telepatia ou telegrafia humana, a professia (premonições da vigilia e dos sonhos nos transes naturais ou provocados), as faculdades transversais, nos desdobramentos ou da projeção da alma, no sonambulismo e no êxtase etc.
Nos fenômenos anímicos do Espírito quando emancipado do seu corpo fisico, em estado consciente ou inconsciente, durante o sono natural ou provocado, neste último a alma experimenta momentaneamente a vida de Espírito livre percorrendo o mundo de sua origem.

Waldemar disse...

VARIEDADE DE COMUNICAÇÃO DA ALMA PELO PENSAMENTO:
Influência Oculta dos Espíritos Sobre os Nossos Pensamentos e as Nossas Ações.
Recorrendo em o Livro dos Espíritos pergunta 459 - Allan Kardec pergunta aos Espíritos Verdade:

Os Espíritos influem sobre os nossos pensamentos e as nossas ações?
Resposta- "Nesse sentido a sua influência é maior do que supondes, porque muito frequentemente são eles que vos dirigem".

O Espírito encarnado ou desencarnado é uma alma pensante, e por isso não devemos ignorar que temos muitos pensamentos que nos ocorrem, sobre o mesmo assunto num só tempo e bastante contraditórios; nesse conjunto em meios aos nossos pensamentos, estarão ocultamente os dos Espíritos desencarnados.
Na comunicação de alma para alma, é recíproca, estamos dentro do mundo espiritual e este dentro de nós, e assim ficamos na deriva da incerteza, diante de duas idéias que se combatem 24horas do nosso dia-a-dia, segundo o nosso grau de progresso moral.
Pela comunicação do pensamento todos são médiuns permanentes, independente de qualquer faculdade, quanto a mediúnidade propriamente dita. (permanecemos 24h. antenados com o mundo invisível).
É através do pensamento que os nossos Espíritos protetores (o anjo da guarda), ou os maus Espíritos influem em nossas ações, atos e pensamentos; e se o nosso desejo pelo bem ou pelo mal for maior, seremos a tal ponto por eles dirigidos, segundo as nossas escolhas de livre arbítrio.

Nota Importante: Independente da faculdade propriamente dita entre as mais caracterizadas, qualquer pessoa poderá desenvolver as faculdades da alma pelo pensamento: a escrita intuitiva, a inspirada etc. a literatura clássica, o estudo da filosofia, a música, a poesia, as leis morais, ou da ciência espírita e em geral, pelo intelecto levadas as condições telepáticas quando bem caracterizadas, os Espíritos simpáticos aproximam-se de nós pelo pensamento, interessados pelo o que fazemos, lemos e estudamos. Assim, pelo pensamento de alma para alma, elas ocultamente comunicam-se entre si nos inspirando e nos instruindo sugestões ocultas afins. Eis aí a questão do porque do Espirito Lammenais dizer a Kardec, que todos formamos variedades naturais de médiuns.
Se voce não possui nenhuma mediunidade quanto a propriamente dita, de uma coisa voce pode ter absoluta certeza, você pré dispõe da comunicação pelo pensamento.
Apenas estamos observando algumas faculdades da alma. E o perispírito pelo pensamento é o veículo geral de relação entre os dois planos da vida.
Por fim o corpo espiritual é o organismo da mediunidade propriamente dita, cujas faculdades estão radicadas em sua organização, orgão de transmissão do pensamento entre o Espírito encarnado e os desencarnados.
E aí questiona-se? Onde entra no mecanismo do perispírito a glândula endócrina Pineal da suposta mediunidade?

Aguardem a continuação N.3:
Perispírito o segundo corpo da Alma!
Por Waldemar Oliveira.

Andreia Sanches (Andy Sans) disse...

Ricardo, vc está certíssimo. Quem realmente estuda a D.E. sabe que seus argumentos são os mais adequados. Leiamos atentamente André Luiz que estava amparado em suas pesquisas espirituais sobre os assuntos científicos.

Mabaia disse...

Gostaria de dizer que Allan Kardec deixou claro que sua obra estava inacabada, que seria continuada. Também que o Espirito de Verdade deixou claro que muitas coisas ainda não seriam ditas em razão de não ser o tempo adequado e que seriam reveladas a medida que fossem permitidas. Leia a obra toda, no livro Genese, ele diz que "...há para a Humanidade uma reveleção incessante." Leia o discurso de Camille Flammarion no sepultamento de Allan Kardec - consta de Obras Póstumas.
Gostaria também de lhe perguntar: Se acontecesse de ter uma doença incurável segundo a medicina de 1864, e hoje o médico lhe dissesse, agora tem cura, voce não aceitaria o tratamento? Acharia o médico um impostor?
A ciência, Graças a Deus, evolui. Os próprios cientistas, como o próprio Allan Kardec o foi, são instrumentos da espiritualidade para trazerem as inovações ao mundo.
Voce já estudou tudo o que o Dr.Sergio Felipe estudou? Voce pode comprovar que ele não diz a verdade? Voce tem certeza que ele não é um instrumento benfeitor, para levar o entendimento às criaturas, o tratamento adequado, para que no futuro possam ser evitados aqueles tantos irmãos encarcerados em clínicas psiquiátricas, rotulados por loucos, em razão da falta de entendimento de médicos e familiares, quando na verdade bastava se lhe desenvolvesse a ferramenta mediúnica?
Nem Jesus disse tudo...pelo contrario, Ele próprio nos prometeu o consolador, o Espirito de Verdade. Jesus não disse "agora já conheceis a verdade" Ele disse "Conhecereis a verdade e ela os libertará".
Ainda teremos muitas descobertas científicas, morais e espirituais antes de podermos dizer que sabemos 0,000...1% do que é a Verdade.
Allan Kardec não disse que era dono da verdade, ou que o trabalho dele era o inicio e o fim de tudo. Ele próprio inventou palavras, pesquisou e inovou.

Fenix disse...

Muito bem Mabaia. Se vc não tivesse dito isto eu teria. O Waldemar tem que estudar mais antes de se arvorar a formular opiniões sobre assuntos que ele próprio desconhece. Ele precisa dar uma lida nas obras de André Luiz, mais especificamente em Missionários da Luz. A Ciência está aí a todo momento descortinando e comprovando aquilo que já foi dito nesta e em outras obras. Aliás, ele precisa ler as próprias obras básicas. Kardec deixou claro que muitas coisas ainda seriam reveladas. Temos é que agradecer ao Dr. Sérgio Felipe por este estudo e pelo belo trabalho que faz em sua clínica, ajudando a pessoas com problemas psíquicos.

Mario disse...

Quanto a pergunta do Waldemar!

E aí questiona-se? Onde entra no mecanismo do perispírito a glândula endócrina Pineal da suposta mediunidade?

- Olha Waldemar, não vejo contradição entre as obras básicas e a obra de André Luis que trata sobre o assunto e nem com os estudos do Dr Sergio. Quanto a sua pergunta, parece-me claro que a pineal funciona como importante órgão fisico de captação das impressões extrasensoriais de nosso perispirito. Ou seja, nosso espirito tem sensações, impressoes da e na vida extracorporea, a pineal ao que parece exerce influencia significativa no processo de captação/transmissão dessas impressões pelo e ao corpo físico. O perispirito é como sabemos nosso corpo espiritual, complexo em sua composição. Através dele nosso espirito transmite ao corpo fisico, no qual a pineal exerce fundamental importância devido a sua função gerenciadora. Creio que uma breve leitura sobre os centros de força, composição do perispirito lhe esclareceria em muito.
Waldemar, fique com Deus e sugiro que não fique tão focado em uma linha de raciocínio, alarguemos nossos horizontes sem medo de ser feliz, busquemos o Amor e a Instrução, com humildade, solo fertil onde a grande obra florecerá. Que a Paz e a Luz estejam a cada dia mais presentes em nossas mentes e corações. Um Abraço Waldemar.

M.D disse...

Dr. O sr. caiu do céu sabia?Estou tão confusa que não sei relatar o que anda acontecendo comigo. Mas, vamos lá.
Bem, ano passado fui diagnosticada com síndrome do pânico e depressão;dizem que surtei!Fui parar em um hospital psiquiatrico e até hj tomo medicamentos que me fazem tão mal...não me sinto "louca, surtada", sinto-me triste por motivos que não sei explicar, as vezes não sou eu, entende?Desde criança sou tida pela minha família como "espivitada" pq eu relatava saídas do meu próprio corpo,tinha"desmaios" e ai à lugares desconhecidos, com pessoas que não tinham corpo como eu,eram mais transparentes outros mais densos chegando a ser semelhante a mim.Eu ffalava e falo(mas nego para o psqiquiatra), com pessoas mortas, pessoas que são da familia porém mortas e com pessoas que não sao da familia, porém também mortas,pessoas que nunca vi em vida mas, me sinto tão feliz com elas e com outras sinto muita angustia,chegando a ficar dias em meu quarto saindo obrigada até a sala e volto, só quero meu quarto na penumbra quando vejo estas pessoas que me trazem angustias.Sinto muito medo de ser internada em hospital psiquiatrico,por isso nego tudo isso aos meus medicos.
Sabe, quando"surtei" ano passado, eu não reconhecia algumas pessoas, não comia nada feito em minha casa e nem bebbia nada que ja estivesse aberto, pq sentia medo que estivesse com remedio pra dormir,veneno e mesmo sabendo que nada disso estava acontecendo,eu simplesmente não controlava e não comia e nem bebia mesmo, principalmente se minha mãe trouxesse pra mim.
Vi sua palestra sobre a glandula pineal no youtube e foi uma das pessoas mortas quem me indicou, isso pode?As vezes, Dr, penso ser louca mesmo!Não sei te explicaar o misto de tristeza e felicidade é como se eu fosse varias pessoas ao memso tempo...não gosto de sentir o que os outros sentem,não gosto de perceber ou achar que percebo o que pensam ou o que está acontecendo ou já aconteceu com pessoas que passam na rua...estou cansada de flouxitina,litium,rivoltril,só engordo com eles.Se eu comesse como uma condenada estava bem feliz,mas como tudo tão light,pouco e quando como...estou cansada das minhas outras doenças.Imagina que há 1 ano e meio apareceu vários cálculos renais e do nada sumiram todos,nem me tratar posso pq aparecem e somem e da mesma forma foram os pólipos. Minha visão também é prejudicada, os médicos não descobrem o motivo de minha cegueira momentânea.Bem, além de louca sou cheia de doenças, ouvi uma pessoa que amo muito dizer, achando que eu estava dormindo.

O que o Sr, Dr pensa disso tudo que lhe contei de forma bem misturada? Gostaria muito que o sr pudesse me responder,ficaria bem feliz, de verdade, muito feliz.Afinal não cheguei até sua palestra no youtube por acaso ne?

Fique com Deus!
M.D

Igor Pinheiro disse...

M.D, porque não busca ir a um centro espírita? Num deles, vc poderá fazer um tratamento espiritual. Se está cansada de remédios e sabe que não é louca, seu problema pode ser apenas espiritual. Até porque, de que tem valido esses remédios que tratam de doenças físicas (assim são vistas por muitos estudiosos) como a depressão e a insônia? Se tem obsessões, quer dizer, influências espirituais ruins e persistentes, poderá desenvolver problemas psíquicos mais tarde e precisar de outros remédios no futuro. Mas não precisa se preocupar em demasia, o que acontece com você são fenômenos naturais, e pelo que li, com mescla de influências boas e más, só que é bem importante entender bem o que se passa consigo.
Creio que está nas suas mãos evitar maiores danos e passar a se conscientizar numa casa espírita-cristã que a prática do Evangelho de Jesus, embora muito difícil (mas pior é permanecer no sofrimento cada vez aumentando nossa dor, né?), é a cura pra todos os males do espírito.
Eu não aconselharia vc a parar de tomar os remédios, mas a buscar com ainda mais disciplina a prática da fé em Cristo e o estudo sobre a mediunidade no livros espíritas. Numa casa espírita, talvez te indiquem O Livro dos Médiuns (livro que contém mensagens que excitam-nos à perseverança e o bom ânimo) e O Evangelho Segundo o Espiritimo.
O conhecimento das obras espíritas (e, a título de sugestão, Allan Kardec é o começo básico pra todo mundo que queira espontaneamente estudar sobre espiritismo) te levará a leituras como essa, pode clicar:
http://evangelhoespirita.wordpress.com/capitulos-1-a-27/cap-5-bem-aventurados-os-aflitos/instrucoes-dos-espiritos/o-mal-e-o-remedio/

Muito boa sorte, que Deus nos abençoe, dê notícias!!
Meu e-mail é sampaiopp@hotmail.com